A Jornada do Cliente pelo funil de vendas – O Filme

Por Communicare

Por Gabriel Reis

Todo filme de sucesso possui uma série de requisitos que os compõem e, isso não é diferente no marketing, onde para conseguir o tão sonhado prêmio chamado cliente, cada etapa do funil de vendas deve ser digna de Oscar.

Sendo requisito básico para toda marca que deseja alcançar o sucesso, o funil de vendas é uma estratégia de marketing onde o foco é preparar o seu possível cliente, desde o primeiro contato com a empresa até o momento da venda. 

 Em uma jornada de muito aprendizado e criação de vínculos, o corajoso consumidor é guiado pela sábia marca, que o mostra problemas que podem ser negativos para ele e apresenta o produto ou serviço ideal que trará o tão desejado sucesso.

 Cercados pelas temidas forças do mal: medo, insegurança e impedimentos financeiros. Cliente e marca terão de trabalhar juntos para superarem cada fase do funil de vendas, atingindo o ponto de maturidade necessária para fecharem negócio.

 Curioso para saber como esse filme termina? Então pegue sua pipoca, se acomode em sua cadeira e continue lendo cada etapa digna de Oscar dessa trajetória vivida pela marca e o cliente.







É aqui onde a aventura do consumidor se inicia, em que ele encontra a empresa e surge uma nova visão sobre a situação na qual ele está inserido. 

 Também conhecida como etapa da consciência, é o momento em que o protagonista (cliente) têm o primeiro contato com seu guia, a marca, e percebe que tem um problema que precisa ser solucionado ou uma oportunidade que pode ser aproveitada.

 Apresentando-se como autoridade em determinado assunto, a marca começa a criar laços com o comprador, oferecendo conteúdos como blogposts, vídeos e outros que o eduquem e o façam reconhecer qual a sua posição em determinada situação.

Assim, fazendo-o vê-la como entendedora do seu possível problema, uma verdadeira sábia que poderá guiá-lo durante sua jornada.

 A aventura pela qual o comprador em potencial deve passar, é repleta de ferramentas produzidas pela marca que contribuam para  entender melhor qual obstáculo ele terá que superar, usando de uma linguagem educativa e esclarecedora, visando o seu desenvolvimento.

 Conforme o inexperiente consumidor vai sendo educado pela empresa, ele é convertido em lead, um guerreiro mais experiente e que já tem preparo para avançar em sua jornada rumo à negociação e ao tesouro final.

Tendo percebido que terá de enfrentar um problema pela frente, o guerreiro lead passa a analisar as possíveis soluções e estratégias que poderá escolher usar para superar a pedra no meio do caminho e alcançar a raridade presente no fim do funil.

 A marca, enquanto fiel conselheira, continua a oferecer conteúdos que possam ajudar o cliente em potencial, agora, mais aprofundados, como e-books e ferramentas mais detalhadas que ajudem o consumidor a entender a situação, o nível do impasse e possíveis formas de resolvê-lo.

Assim, ela passa a conhecer ainda mais quais as reais necessidades do lead, trocando seus valiosos conselhos por novas informações sobre ele.

 Vendo-se em constantes encruzilhadas, o consumidor deve ser guiado pela empresa, que o oferece alternativas variadas que se aproximem da ideal para solucionar seu principal problema, evitando jogo de interesses e fortificando a relação de confiança entre eles.

 Ao final desta etapa, o lead está pronto para decidir qual a melhor solução dará ao seu empecilho. Experiente e preparado, a decisão final torna-se um verdadeiro campo de batalha, onde a melhor resolução vence, podendo seguir com o cliente para o incrível conteúdo gerado ao final da jornada pelo funil. 

Já estando próximo do enorme X vermelho no final do trajeto, o corajoso guerreiro chega ao fim de sua jornada pelo funil de vendas.

 Esse é o momento em que a sua conselheira marca deve provar-se como a principal fonte de soluções para o bravo cliente, sendo a sua verdadeira companheira para enfrentar o problema que se coloca como vilão dessa jornada e finalmente atingir seu tesouro até então escondido.

 Tendo feito a escolha decisiva, em meio a tantas comparações de possíveis resoluções, o consumidor parte para o ponto final de sua aventura onde a negociação será feita.

 Assim, tendo o problema finalmente derrotado, o guerreiro pode desfrutar dos benefícios oferecidos pela empresa.

Após essa longa jornada, cliente e marca possuem um forte vínculo que deve ser nutrido, mantendo esse companheirismo de verdadeiros heróis que passaram pelo funil de vendas e conseguiram alcançar seus objetivos.

A jornada pelo funil de vendas pode não parecer fácil em vários momentos mas, o segredo para superá-la, é cliente e marca manterem-se unidos em virtude de um propósito em comum.

 A confiança que se cria durante as etapas deve ser constantemente nutrida e a empresa mostrar-se como uma verdadeira sábia no assunto que ronda o consumidor. Assim, ambos os heróis, marca e comprador, podem desenvolver-se da melhor forma possível durante o processo e finalmente atingir a tão aguardada negociação.